Secretaria da Justiça e Direitos Humanos

Doe sem gastar e ajude a transformar a vida de crianças e idosos

Instituto Leonardo Murialdo - Foto: Divulgação - Fotógrafo:

Os contribuintes que declaram Imposto de Renda pelo modelo completo têm até o dia 29 de dezembro para destinar até 6% do imposto devido para o Fundo da Criança e do Adolescente ou para o Fundo da Pessoa Idosa.

Dessa forma, é possível ajudar a milhares de pessoas, levando mais qualidade de vida para aqueles que realmente precisam. Os recursos dos fundos estaduais e municipais são direcionados, via edital elaborado pelos conselhos, a instituições que atuam diretamente com esses públicos.

Segundo dados da Receita Federal, em, 2015, cerca de R$ 334 milhões poderiam ter sido destinados às instituições gaúchas que atendem a crianças, adolescentes e idosos. No entanto, apenas 5% desse montante ficaram no Rio Grande do Sul.

Como doar

As pessoas físicas que declaram Imposto de Renda pelo modelo completo podem doar até 6% do IR devido para o Fundo da Criança e do Adolescente, para o Fundo da Pessoa Idosa ou, ainda, uma parte para cada fundo.

As pessoas jurídicas que apuram IR pelo lucro real também podem doar até 1% do imposto devido para cada fundo.

As destinações podem ser feitas diretamente nas contas bancárias dos fundos estaduais (veja dados abaixo) e municipais, por meio de depósito bancário identificado com o nome e o CPF do doador.

Escolha o Destino

Lançada em abril de 2015, a campanha busca mobilizar os gaúchos para a possibilidade de contribuir com as entidades que trabalham para o bem-estar de crianças, adolescentes e idosos, através de doações que podem ser deduzidas do Imposto de Renda devido.

Com isso, os contribuintes têm a possibilidade de reter no Estado uma parcela dos recursos que seriam transferidos, obrigatoriamente, para o governo federal e contribuir para ações em benefício de crianças, jovens e idosos.

Parceiros

Escolha o Destino é uma ação conjunta entre o Gabinete de Políticas Sociais e a Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos (SJDH) e conta com a parceria do Conselho Regional de Contabilidade (CRCRS), Sescon RS, Banrisul, Famurs, ONG Parceiros Voluntários, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RS), Tribunal de Justiça (TJ RS), Tribunal de Contas (TCE RS), Defensoria Pública, Ministério Público, Assembleia Legislativa, Lions e Leo Clube e Rotary, Conselho Estadual da Criança e do Adolescente (Cedica) e Conselho Estadual da Pessoa Idosa (CEI).

    Fundo Estadual da Criança e do Adolescente (Feca)

    CNPJ 14.239.317/0001-90

    Banrisul 0041

    Agência 0597

    Conta 03.231350.0-1

    Fundo Estadual da Pessoa Idosa (Funepi)

    CNPJ 22.170.458/0001-21

    Banrisul 0041

    Agência 0597

    Conta 03.208808.0-6

:: voltar ::

Escolha o Destino

Parceiros

Apoiadores

Informações

(51) 3288-7373

Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos

 

Desenvolvido pela Procergs

 

Participação:
Participação: Secretaria da Fazenda